Correia poly v

Correia Poly V

Publicado em: 8 de dezembro de 2020 | Atualizado: 8 de dezembro de 2020

Antes de mais nada te afirmo que se você deseja conhecer sobre correia poly v, chegou no local certo. Os fabricantes do setor de eletrodomésticos e equipamentos comerciais estão utilizando sistemas de acionamento confiáveis, que apresentam baixo ruído, eficiência energética e, ainda são praticamente livres de manutenção.

O que é Correia Poly V?

Ou seja para alcançar esses objetivos, máquinas de lavar e secadoras usam amplamente correias de borracha em V, do tipo PV. Também conhecidas como correia poly-v, correia multi-rib ou serpentinas.

A correia poly v apresenta ranhuras ou “nervuras” ao longo do comprimento da correia, que correspondem às mesmas ranhuras das polias.

A correia poly V é responsável por conectar o motor aos tambores, utilizados para agitar a roupa em máquinas de lavar e secar a roupa em secadoras. A velocidade do eixo do motor nesses equipamentos podem superar as 10.000 rpm e apresentam uma alta velocidade de rotação do motor, sem vibração e bem silenciosa. 

Vantagens da correia poly V

  • Maior durabilidade da correia e da roldana
  • Redução do custo do acionamento
  • Desempenho consistente
  • Faixa de temperatura de -30 °C a +80 °C
  • Condução elétrica em conformidade com ISO 1813
  • Condicionalmente resistente a óleo

Construção correia poly V

construcao correia poly v
  • 1. Nervuras de borracha sintética
  • 2. Composto incorporado
  • 3. Elemento de tensão de poliéster
  • 4. Tecido de cobertura de poliamida

Reduzir custos com correia poly V

Para manter os custos baixos neste mercado altamente competitivo, o drive (acionamento) esta a uma distância fixa do centro. Essa situação permite a omissão de um sistema de polias ou a base de um motor ajustável, que é normalmente o meio utilizado para aplicar a tensão de instalação ao sistema de correias.

Outra maneira comum de se reduzir custos para eliminar o custo de uma polia motriz se dá pela usinagem das ranhuras da polia no eixo do motor, para que ele atue tanto como eixo do motor, como polia motriz.

A correia envolve a circunferência de um tambor, eliminando a necessidade de uma polia adicional. O grande diâmetro do tambor fornece um grande grau de “envolvimento” ou área de contato na correia, que oferece aderência suficiente para evitar o deslizamento, negando a necessidade do tambor apresentar ranhuras como a polia normalmente exige, reduzindo ainda mais o custo de acionamento. 

O Problema

Com um acionamento há uma distância fixa do centro, não há formas para ajustar ou dar tensão ao sistema de correias de forma a evitar escorregões e garantir a eficiência operacional.

Sem a tensão adequada, a correia escorregará. Como resultado temos o tambor em uma lavadora ou secadora que não gira na velocidade necessária. Isso afeta negativamente a eficiência e o consumo de energia do aparelho.

Além disso, a correia sofrerá uma redução em sua vida útil, pois o deslizamento provocará um aquecimento e um desgaste excessivo, levando a correia  a um ponto de  falha precoce.

O uso do motor como uma polia também apresenta um desafio pelo fato do seu pequeno diâmetro não oferecer grande área de contato para a correia prender as ranhuras da polia no eixo.

No processo de montagem, também é desejável que a correia tenha capacidade de ser instalada por um processo de automatização robótico. Uma correia PV padrão requer um sistema robótico complexo e caro para aplicar a tensão correta. 

A solução com a Correia Poly V

Atualmente a Megadyne conta com décadas de experiência em soluções para fabricantes neste segmento com o TEM “Elemento Elástico de Tração” (Tensile Elastic Member) utilizado na construção de correias.

Projetado especificamente para operar em unidades de centro fixo, elas são esticadas para criar a tensão necessária à unidade. Após a instalação e um breve período de estabilização a correia automaticamente se ajusta para corrigir a tensão e mantê-la durante toda a vida útil do eletrodoméstico, eliminando a possibilidade de que um profissional da linha de montagem defina uma tensão incorreta.

Sua construção permite a compensação de um pequeno ângulo de envolvimento na polia motriz e no eixo do motor e confere uma ação de amortecimento que minimiza a vibração e absorve cargas temporárias ou intermitentes para reduzir ruídos de transmissão. 

O Resultado

Dessa forma os clientes deste setor viram uma redução no custo geral aliado a uma melhoria na confiabilidade da correia, utilizando o sistema de correias TEM da Megadyne.

As vantagens da eliminação dos dispositivos de tensionamento e da montagem robótica são menos problemas de qualidade devido a tensão da correia e a eliminação de trabalhos manuais de aplicação correta da tensão durante o processo de montagem, que satisfaz os requisitos exigentes desta aplicação.

Os clientes também desfrutam de um mercado de reposição cativo como o TEM, no qual a correia é fabricada com características específicas de potência em cada acionamento, o que significa que não pode ser substituído por correias PV de construção padrão. 

Aproveite e baixe o catálogo correia poly V.

Os principais perfis para as correias poly v são PH, PJ, PK, PL, PM.

jw engenharia botao contato pelo whatsapp

Artigos que você possa gostar?

Fale conosco no Whatsapp