fbpx

6 motivos para uso do limpador de correia transportadora

6-motivos-para-uso-do-limpador-de-correia-transportadora

            Entenda os 6 motivos para uso do limpador de correia transportadora. A manutenção dos limpadores da correia é um dos fatores mais importantes na eficiência, rentabilidade e segurança gerais de uma operação de transportador. Apesar de tudo isso, o uso de um sistema de limpeza de correia adequado ainda é amplamente negligenciado em toda a indústria.

            Existem muitas opções de limpeza de correia transportadora para escolher, variando com base na indústria ou nas necessidades da instalação. Um limpador primário é projetado para funcionar onde a correia passa sobre o tambor e remove a maioria das recolocações. Os limpadores secundários estão localizados mais abaixo da linha para fornecer limpeza adicional. Enquanto algumas operações empregam produtos de limpeza caseiros, elas são normalmente ineficazes, deixando o sistema transportador vulnerável a retornos que resultam em perda de produto, horas extras de trabalho, tempo de inatividade, maiores riscos de segurança e desgaste na correia e outros componentes do sistema.

Para ilustrar a importância de um limpador de correia transportadora profissional instalado corretamente, considere os impactos através dos números:

LIMPADOR DE CORREIA TRANSPORTADORA
LIMPADOR CORREIA TRANSPORTADORA

Motivo 1: 

90% – A disponibilidade esperada de uma correia transportadora completamente limpa e adequadamente mantida. Manter disponibilidade operacional é o objetivo principal de qualquer operação e um benefício principal do uso de um limpador de correia.

Motivo 2:

50% De acordo com um extenso estudo das instalações de manuseio de carvão na Índia, correias com limpadores profissionais exigiam apenas metade da manutenção necessária das correias sem limpadores de limpeza.

Motivo 3:

O mesmo estudo encontrou uma correlação entre os limpadores de correia e a vida útil da correia, com a correia média durando 150% a mais para instalações com limpadores profissionais comparados àqueles sem. A diminuição da vida útil da correia é resultado de desgaste excessivo e prematuro da correia, suas emendas e polias infligidas pelo carryback produzido por correias sem limpadores adequados.

Motivo 4:

2% As operações que mantêm as correias limpas e bem conservadas podem operar com menos de 2% de interrupções não planejadas devido a falhas mecânicas ou elétricas.

Motivo 5:

4 em cada 10: 39% (trinta e nove por cento) dos acidentes relacionados com o transportador estão relacionados com a limpeza ou remoção de material fugitivo lançado ao longo de transportadores sem soluções de limpeza eficazes. Além de reduzir as horas de trabalho e o tempo de inatividade necessários com a limpeza manual, os limpadores de correia podem melhorar a segurança geral da operação.

Motivo 6:

60% Depois de instalar um limpador primário para um fabricante alimentos, a Flexco foi capaz de ajudar a limitar o carryback e reduzir as perdas de sucata em 60% em comparação com o limpador caseiro usado anteriormente.

PARA A MELHOR PROTEÇÃO DA CORREIA TRANSPORTADORA E EFICIÊNCIA DA OPERAÇÃO, FAÇA O USO DE UM LIMPADOR PRIMÁRIO E UM LIMPADOR SECUNDÁRIO.

            Um limpador primário é instalado no tambor, abaixo do fluxo de material, com uma lâmina que é sempre mais estreita do que a largura da correia. Quando instalado corretamente, o limpador primário pode limpar até 80% do retorno inicial. Complementando o limpador primário, um limpador secundário fornece o trabalho de limpeza final, removendo os finos aderentes com eficiências de limpeza de até 90%. Estes limpadores são tipicamente montados logo após o local onde a correia sai do tambor e em qualquer lugar abaixo da linha de cintura com uma lâmina da largura da correia ou mais larga.

            Os operadores de transportadores têm uma ampla gama de fatores a serem considerados e opções de modelo a serem avaliadas quando se deseja instalar um limpador de correia. Consultar um profissional da Flexco e da JW Engenharia pode ajudar a garantir a seleção, instalação e manutenção adequadas dos limpadores de correia transportadora para as suas necessidades. Depois de considerar todos os possíveis riscos para a eficiência da operação, a lucratividade e a segurança sem uma solução de limpeza, garantir o uso adequado dos limpadores de correia deve ser a prioridade número 1 para os operadores de transportadores.

            Fonte: Kevin Fales, Gerente de Produtos.

Kevin Fales gerencia a linha de produtos de correias transportadoras (BCP), fornecendo desenvolvimento e engenharia de produtos com orientação sobre as exigências do mercado, tanto para conceitos de novos produtos quanto para produtos existentes. Ele também lidera o desenvolvimento de literatura técnica e promocional de apoio à linha BCP.

Quais são os benefícios e vantagens de se utilizar os raspadores de correia?

O limpador de correia transportadora, também conhecido como raspador de correia transportadora, é um item fundamental para a manutenção e limpeza das correias transportadoras industriais. Existem vários benefícios de se utilizar esse tipo de elemento em sua operação, garantindo, por exemplo, o aumento da vida útil de alguns componentes do sistema. 

Além disso, é importante deixar claro que os raspadores de correia são utilizados para remover os materiais que fixam na correia, propiciando a limpeza de toda infraestrutura. Outro ponto que merece destaque é que sua utilização permite que sua indústria evite desperdícios na realização do transporte dos materiais.

Quais são os problemas mais comuns que podem ser resolvidos com a utilização dos raspadores?

Em primeiro lugar, é preciso deixar claro que cada tipo de correia transportadora tem uma função específica. A correia de roletes, por exemplo, propicia o transporte de materiais por meio do giro dos próprios roletes. Já a correia de correntes utiliza correntes para a realização do transporte. 

Assim, podemos afirmar que os raspadores também devem se adequar aos tipos de correias transportadoras. Esses implementos são responsáveis por garantir que o transporte de materiais ocorra sem grandes interferências. Um dos problemas que podem ser resolvidos com a utilização de raspadores é a limpeza e manutenção da correia transportadora. Dependendo do tipo de material a ser transportado, as correias podem acumular sujeira, crostas, apresentar aspecto pegajoso, dentre outras características. Dessa forma, os próximos materiais podem se misturar com as partes remanescentes e/ou podem sofrer interferência destes, propiciando a ocorrência de problemas com a produção e, em alguns casos, a paralisação de toda a indústria.

Quais as principais características de um bom raspador?

A melhor maneira para evitar prejuízos e falhas em uma operação industrial se dá pela realização de manutenções periódicas e a correta limpeza dos implementos. Em termos do transporte de materiais, por exemplo, podemos destacar a necessidade de verificar o desalinhamento da correia transportadora , seu tensionamento, também, a troca de roletes, quando for o caso.

Já quando o assunto é limpeza, um bom raspador deve apresentar algumas características específicas:

  • propiciar uma máxima eficiência no processo de raspagem;
  • não gerar desgaste à correia;
  • ser auto limpante;
  • resistir a operações reversas;
  • apresentar alta durabilidade operacional;
  • baixo custo;
  • fácil operação;
  • ser produzido em materiais inflamáveis.

Contudo, o processo de limpeza deve seguir uma determinada ordem, para que tudo ocorra conforme o planejado e os resultados sejam os esperados. Para tanto, deve-se limpar a correia com um spray de água antes de colocar os raspadores em operação. Essa é uma maneira de garantir um excelente resultado em quase todos os tipos de materiais, inclusive para a remoção de minérios de ferro e concreto. 

É importante deixar claro que nem a melhor limpeza é suficiente para garantir que a correia transportadora tenha o melhor desempenho possível. É necessário realizar algumas medidas para compensar os efeitos de uma correia suja, utilizando limpadores flexíveis nos tambores traseiros de uma polia. Nesse caso, os roletes de retorno devem ser em forma de disco ou espiral, impedindo o acúmulo de materiais e evitando futuros problemas no funcionamento do sistema.

jw engenharia botao contato pelo whatsapp

Material Complementar:

Assista também o vídeo de troca rápida da lamina do raspador. Veja como é fácil e simples:

Termos Pesquisados: FLEXCO LIFTER, COMO CORTAR CORREIA TRANSPORTADORA, CORTADOR ELÉTRICO DE CORREIA, CORTADOR FLEXCO, FLEXCO 30001, FLEXCO 30002, FLEXCO 30018, FLEXCO 30019, GRAMPO FLEXCO, GRAMPO ARTICULADO FLEXCO, DISTRIBUIDOR FLEXCO, LIMPEZA CORREIA TRANSPORTADORA

Fale conosco no Whatsapp